IDENTIFICAÇÃO
A partir de março HU passa a exigir apresentação de documento para atendimento

HU - IDENTIFICAÇÃO

A partir do dia 1º de março de 2018, todo paciente que passar por atendimento no Hospital Universitário de Jundiaí (HU), deverá apresentar documento de identificação com foto ou Certidão de Nascimento. A iniciativa faz parte do processo de implantação do sistema de gestão integrada em saúde, que está sendo desenvolvido na instituição desde junho deste ano. A apresentação do documento garantirá maior eficiência na identificação correta do paciente, conforme previsto nos protocolos básicos de segurança do paciente, aprovados pelo Ministério da Saúde, em 2013.
 
Segundo o prof. Dr. Itibagi Rocha Machado, superintendente do HU, o foco principal é aperfeiçoar cada vez mais a assistência prestada à população, que por meio desta ação – que pode parecer simples – terá atendimento cada vez mais humanizado, personalizado e eficiente. “Atendemos em média 10 mil pessoas a cada mês e esta iniciativa irá permitir que - a partir da inclusão do nome do paciente completo, com grafia legítima – a equipe médica acesse a qualquer momento o prontuário eletrônico e histórico do paciente – incluindo consultas anteriores, permitindo a busca por terapias mais eficazes para cada caso”, afirma. Também será importante para complementar dados que diferenciarão pacientes homônimos.
 
Conforme procedimento adotado nas instituições de saúde de todo o país, é comum solicitar documento de identificação para atendimento. No entanto, por diversas razões, nem sempre o paciente o faz. Desta forma, o mesmo paciente pode ter duplo cadastro numa mesma entidade, devido a erro na grafia ou abreviações, uma vez que nestes casos os dados são passados verbalmente. “No HU nós tomamos todo cuidado para evitar estas ocorrências e com a apresentação de documento de identificação, queremos mitigar ainda mais este risco”, salienta Dr. Machado. 
 
O documento de identificação com foto ou a Certidão de Nascimento poderão ser apresentadas na forma original ou cópia autenticada. É válido ressaltar que nenhum atendimento será negado pela instituição caso o paciente não esteja em posse de sua identificação. Nestes casos, o paciente será orientado a apresenta-la mediante um prazo. O trabalho de comunicação à população está sendo desenvolvido por meio da comunicação prévia nas Unidades Básicas de Saúde do município, divulgação nas escolas, secretarias de saúde da região e recepção do próprio HU.
 

 
 

Nova pagina 1